Convenção Estadual define candidatos e os destinos do PR no pleito eleitoral deste ano em São Paulo.

convencao_mat

O PR-SP disputará as eleições proporcionais com chapa pura e a decisão da majoritária ficou para os próximos dias. Foram homologadas cerca de 100 candidaturas para deputado, entre elas, as reeleições de Milton Monti, Paulo Freire e Tiririca para a Câmara Federal, e de André do Prado para a Assembleia Legislativa de São Paulo.

 Unidade, força, determinação, entusiasmo e muita alegria por parte dos líderes, dirigentes, mandatários e militantes do Partido da República no estado de São Paulo, marcaram a Convenção Estadual da legenda republicana, realizada na manhã do último domingo – dia 15 de maio – no Hall Monumental da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo – ALESP. Mais de 2 mil republicanos lotaram o espaço com suas bandeiras, faixas e manifestações de apoio aos convencionais.

Após as considerações e saudações dos pré-candidatos republicanos, o presidente estadual do PR-SP, José Tadeu Candelária, falou da força das chapas que o partido montou para concorrer às eleições de 2014 com chapa pura. “Esta convenção é mais que um encontro de brasileiros confiantes nos destinos do Brasil. Estamos dando uma demonstração de união, confiança e de coragem para o embate de 5 de outubro”, reconhece Candelária ao concluir: “O PR tem o seu, o nosso jeito de fazer política. A hora é agora. Sigamos juntos, de mãos dadas, unidos pela vitória”, conclamou o presidente estadual do Partido da República em São Paulo.

O senador Antonio Carlos Rodrigues, parabenizou os convencionais do PR de São Paulo e reafirmou seu compromisso com o grande projeto eleitoral e político que o PR tem para o estado de São Paulo. “Minha única missão nessas eleições é ajudar o PR a eleger a maior bancada na Assembleia de São Paulo e a maior bancada na Câmara Federal. E isso acontecerá porque temos o melhor time entre as legendas paulistas para representar o estado nos dois legislativos e ajudar a melhorar a qualidade de vida da nossa população”, garantiu o senador republicano.

Eleições Majoritárias

O destino do Partido da República nas eleições majoritárias do estado de São Paulo ainda não foi definido na Convenção Estadual da legenda. “As conversas estão acontecendo e nosso partido está avaliando qual o melhor caminho para a legenda e para o estado de São Paulo. Estamos trabalhando para que possamos ter uma resposta oficial dentro dos próximos dias. Porém, devemos salientar que, independente da chapa majoritária que o PR decidir o seu apoio, como sempre fizemos, seremos fieis e, sem dúvida, faremos a diferença, porque temos plena consciência do valor e da força popular dos candidatos que hoje estão sendo confirmados nesta Convenção”, garante o presidente estadual do PR-SP, José Tadeu Candelária.

O senador Antonio Carlos Rodrigues destacou, ainda, a responsabilidade que envolve essa tomada de decisão. “Somos um partido político que prima pela democracia na tomada de suas decisões e é justamente por isso que ainda não temos essa decisão. A aliança majoritária está em processo de amadurecimento e possivelmente, dentro de poucos dias, será anunciada pela executiva estadual”, informou o senador republicano por São Paulo.

Proporcionais com chapa pura

Com a definição de que não haverá coligação nas eleições proporcionais, o PR-SP apresentou as listas dos seus pré-candidatos às disputas de deputados federal e estadual, que foram votadas por representantes dos diretórios municipais, mandatários, membros do Diretório Estadual do partido e os republicanos paulistas que fazem parte do Diretório Nacional. A Convenção homologou cerca de 100 candidaturas a deputado, sendo, aproximadamente um terço de federais. A expectativa da legenda paulista é eleger entre 4 e 5 deputados para a Câmara Federal e de 4 a 6 parlamentares para sua bancada na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

A voz das autoridades

“Conseguimos formar chapas fortes de candidatos para os legislativos estadual e federal, com líderes políticos de grande expressão nas diversas regiões do estado. Não temos dúvidas que o Partido da República, além de aumentar sua bancada na Câmara dos Deputados, dará um grande salto histórico em sua representatividade na Assembleia Legislativa de São Paulo”, avalia com segurança o deputado estadual André do Prado, um dos coordenadores políticos responsáveis pela formação das chapas do PR paulista para as eleições deste ano.

“Eu sinto orgulho em ter escolhido o PR para ser o meu primeiro partido. O PR olha para a população, olha para as necessidades do povo. O PR está preparado para eleger uma das maiores bancadas para o legislativo paulista e será assim que a partir de 2015 teremos muito mais forças para reivindicar as necessidades da população”, declarou o deputado, pastor Paulo Freire.

“A viabilidade eleitoral que o nosso partido apresenta hoje nesta Convenção é fruto de um trabalho incansável do Diretório Estadual do PR em São Paulo, que há mais de dois anos vem percorrendo todas as regiões do estado para compor essas respeitáveis chapas de deputados. Hoje temos uma força política que nos dá o privilégio de poder escolher o caminho que vamos tomar nas eleições majoritárias. O caminho certo é aquele que possamos ajudar mais e melhor os nossos candidatos e, consequentemente, o caminho que seja o mais justo para atender as demandas dos municípios e da população do estado de São Paulo”, discursou o deputado Milton Monti.

Fonte: http://www.pr22sp.com.br/sp/?p=1715#sthash.4qJFHtfI.dpuf

Anúncios